Os prazeres ao cuidar de felinos

Yukari - a Gata Demonio

Yukari sendo sexy pra tirar a foto

Recentemente adotei mais um gato, chamado com orgulho de Conan. Cinza com mangas brancas ele chegou quieto mais já está a vontade e mia a cada segundo. A toa.

Uma das coisas q mais me surpreendeu é como realmente cada gato é uma criatura única! A Yukari a primeira gata que entrou na minha vida ( trazida pela minha boa amiga Juh ) chegou mansa e carente e se manteve assim até hoje, tendo esporádicos surtos de possessão demoníaca aonde ela corre sem motivo aparente e ataca meu note exatamente quando trabalho nele ou quando chego em um boss. Completamente desordenada fiquei dias pensando aonde ela colocou os pontos de Destreza que ela obviamente retirou. Bem provável que na carisma.

Já o Conan é mais ativo que ela mesmo tendo poucos dias de vida, e o danado em dois dias já está encarando ela nas brigas. Pois sim, eles começaram se estranhando…mas agora já estão bem, ela até fica lambendo ele quando ele come ( depois enche ele de porrada ).

Em resumo, esses dois infernos alteraram minha vida para melhor. Mantenho a casa sempre limpa pra eles, me preocupo no trabalho e quando saio se eles estão bem e morro de saudades dos dois. Devo dizer que entendo totalmente as ditas tias malucas que cuidam de 50 gatos.

Conan se rendendo ao sono

Conan se rendendo ao sono

Anúncios

Romeu contra William Wallace

romeu-e-julieta-2

Um dia , num ponto de ônibus da odiada metrópole de São Paulo eu ouvi duas pessoas ainda não pessoas, sabe, o que chamam de pré-adolescente? Pois bem, uma das figuras cinzas contava a outra que seu sonho era ter um amor igual o do Romeu e Julieta.

Tirando o fato que provavelmente aquela ninfeta nunca havia lido o conto de Shakspere, fiquei pensando. Ela é burra? Fato é que um monte de gente ainda acha lindinho essa historia absurda.

“Mas é uma linda história de amor lele!”   – Me dizem
“Nem aqui nem em Plutão que nem planeta é mais” – Respondo

Vamos la para um resumo pessoal

Um moleque pega uma mina, descobre que nao pode pegar, ela tab[em fica proiba, insistem, da merda e morre gente, a familia dos dois fica puta, brigam, tem que se pegar escondidos. E eles se amam, so se viram poucas vezes e nunca falam nada de útil. Mas se mama com certeza, obvio, é magico, né? Eis que da a merda atômica e eles tem um plano IMBECIL de usar venenos pra despistar um se engana outro entende errado os dois se matam de BURRO.

Muito bonito esse romance.

Quer algo romântico que tá na mídia? Coração Valente.

Vamos lá:

Wily conhece ninfetinha ainda criança e já rola um charme, cresceram juntos sem duvidas, as familias se adoram. Ele volta foda, educado, treinado e mesmo sabendo que a mina ta na dele vai, faz todo um ritual, se acerta com a familia, se casam e é foda! Ai vem um safado e mata a mina dele. O que ele faz? Ele fica chorando? Ele pega outra mina? Ele se mata?

Não.

Ele MATA TODO MUNDO responsável  faz um exercito pra não deixar aquilo nunca mais acontecer  esnoba a rainha que queria dar pra ele e morre gritando liberdade sendo torturado. Isso sim é amor no meu dicionario.

Pode não concordar comigo e ser mais um que acha que dar flores é romântico que não ligo, mas é assim que vejo as coisas.